Please reload

PROCURE POR TAGS: 

05.08.2020

04.08.2020

11.07.2020

07.07.2020

Please reload

POSTS RECENTES: 

SIGA

  • Facebook Clean Grey
  • Twitter Clean Grey
  • Instagram Clean Grey

ROSA COM TABACO

30.08.2017

Foi assim que me ganhou.

 

Coisas ditas.

 

Muitas.

 

Em profusão.

 

Sem parcimônia.

 

Coisas que eu nem entendia.

 

Nem você.

 

Porque seu compromisso era com dizê-las.

 

Não explicá-las.

 

Confundir.

 

Confundi-las.

 

Lembro-me do primeiro telefonema.

 

E de como eu sorri do outro lado.

 

E de como passaria todas as horas seguintes ouvindo-o.

 

E sorrindo do outro lado.

 

Desde sempre não consegui acompanhá-lo.

 

Mas gostava de ouvi-lo.

 

Não tinha respostas.

 

Nem tamanha sagacidade.

 

Nem saberia o filme, o poema, a prosa, a canção.

 

A colcha de retalhos costurada por suas predileções.

 

Alinhavada por sua memória.

 

Montada por sua beleza.

 

Admirei tudo o que falou.

 

Com a intensidade que havia em mim.

 

E mais a que desconhecia.

 

E a que adorei conhecer.

 

Deve ser como o analfabeto mira o alfarrábio.

 

Deve ser.

 

Deferência por sua capacidade.

 

Sagacidade.

 

Humor.

 

Gestos fartos.

 

Imaginei que passaria a vida sorrindo do outro lado.

 

Você me alertou.

 

A tristeza é uma forma de egoísmo.

 

Eu vou te dar. Eu vou te dar.

 

E foi egoísta.

 

Porque só agora decidiu ser canalha.

 

E fdp.

 

E pediu licença ao lirismo.

 

Para ser mais.

 

Por exemplos.

 

Não tenho.

 

Para te exemplificar.

 

Esse boneco tem manual.

 

Fases como a lua.

 

Perdição da minha vida!

 

Perdição da vida minha!

 

Já pisamos as pontes.

 

Atravessadas.

 

Atravessaram o tempo.

 

Largando suas tábuas.

 

Nunca mais o mesmo rio.

 

Seremos outros.

 

Não pula.

 

Corda de macarrão não (é) segura.

 

Tudo se desfaz muito rápido.

 

Até os nós.

 

E o nós.

 

Decisão de canalhice?

 

Burrice.

 

Uma hora ou outra somos todos.

 

E você concorda.

 

O relógio já deu sua corda.

 

Não pensa no prazo.

 

De sofrer.

 

Curto.

 

Longo.

 

Meio a meio.

 

Eu gostava do tempo em que me fazia sorrir.

 

Inteira.

 

Inteiro. 

 

Naquele tempo eu acreditava.

 

Há tanto.

 

Na volta nos perdemos.

 

Ninguém se perde.

 

Só nós.

 

Nossa gênese é assim.

 

E você queria era ser canalha no existir.

 

Vá se mande.

 

Junte tudo o que você puder levar.

 

Cate suas palavras.

 

Fume rosa com tabaco.

 

É insuportável.

 

Mas é olfato.

 

E seduz.

 

 

 

 

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

© 2017 por Waleska Barbosa. Orgulhosamente criado com Wix.com por Mauro Siqueira.

  • b-facebook
  • Twitter Round
  • Instagram Black Round