Please reload

PROCURE POR TAGS: 

11.03.2020

29.01.2020

28.01.2020

27.01.2020

Please reload

POSTS RECENTES: 

SIGA

  • Facebook Clean Grey
  • Twitter Clean Grey
  • Instagram Clean Grey

AULA DE ANATOMIA

12.03.2017

Nos livros do primário lembro de ficar assustada com as explicações sobre o corpo humano. O texto começava mais ou menos como esse:  “É constituído por diferentes partes, entre elas, a pele, os músculos, os nervos, os órgãos, os ossos etc. Cada parte do corpo humano é formada por inúmeras células que apresentam formas e funções definidas”.

 

Mais tarde, fiquei ainda mais arisca com o tema quando tive acesso aos livros de Anatomia e

 

Fisiologia que circulavam na casa dos meus pais. Eu ainda era criança quando minha irmã mais velha se formou em Medicina.

 

No seio familiar havia outras pessoas envolvidas com área de saúde e que não se furtavam a narrar suas experiências. A explanação mais contundente para mim era sobre o que havia no interior dos laboratórios onde, graças aos ‘cadáveres desconhecidos’, eram obrigadas a ver e a conhecer detalhadamente o que se esconde por trás e por dentro de nossa pele.

 

Aquilo me amedrontava e, talvez como consequência, nunca me aprofundei em estudos sobre anatomia tampouco segui carreira por lugares em que fossem imprescindíveis.

 

Fui para a área de Humanas onde julguei passaria longe de sangue, dissecações e esqueletos.

 

Não deixou de ser verdade. Sobre o corpo fiquei com meus conhecimentos superficiais, ainda adquiridos nas escolas de Campina Grande, onde terminei o ensino médio.

 

Concluído o curso de Comunicação Social, respirei aliviada por não me restar, como matéria-prima e objeto de estudo, muito mais do que palavras, técnicas de apuração e de escrita para diferentes meios de comunicação.

 

Tomei um grande susto quando descobri que não era bem assim. No meu reduto, onde pensava estar sã e salva e livre de conceitos sobre entranhas de algo ou alguém, o tema voltou com tudo.

 

Era mister conhecer a anatomia...de um livro.

 

Ela inclui a composição de capa e interior, além dos tipos também de capa e de papel de uma obra.

 

Aprendi que as capas são compostas por primeira, segunda, terceira e; quarta ou contracapa.

 

Não é só. Nela também entram orelha e lombada.

 

Os seus tipos podem ser hardcover, jacket, mass market paperback, pocket ou edição de bolso,  trade paperback, paperback ou brochura e; hardback.

 

Já o interior dos exemplares contém miolo, corpo, folha de guarda e/ou, página de guarda.

 

Nos tipos de papel entram o offset: branco e o pólen, amarelo.

 

É isso.

 

De posse dessas informações é possível dissecar um livro sem, no entanto, dar de cara com um cadáver desconhecido.  

 

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

© 2017 por Waleska Barbosa. Orgulhosamente criado com Wix.com por Mauro Siqueira.

  • b-facebook
  • Twitter Round
  • Instagram Black Round